ADMAR TAMBÉM VETA LULA

Admar Gonzaga acompanha o relator Luís Roberto Barroso e vota pelo indeferimento da candidatura de Lula, com base na Lei da Ficha Limpa.

Mesmo antes de concluir seu voto, o ministro deixou clara sua posição.

Ele lembrou que o condenado cumpre pena em regime fechado. Segundo ele, estão “preenchidos todos os requisitos da inelegibilidade”.

Gonzaga também descartou qualquer efeito vinculante da recomendação do tal Comitê de Direitos Humanos da ONU.

O placar está em 4 x 1.

Comentários

  • Samuel -

    Imoral, ilegal, sem vergonha, o voto do petralha Fachin! Como podemos confiar no “notório saber jurídico” desse senhor pra estar na Suprrma Corte. O pior, o voto da Rosa Weber deve ser igual ao dele!

  • Pedro -

    Por mais que o sistema judiciário brasileiro esteja precário, tem pessoas que respeitam o brasileiro.

  • Edileuza -

    As coisas para o Brasil nunca são fáceis né...

Ler 11 comentários