ACESSE

Advogado de Bolsonaro defende "liberdade de expressão"

Telegram

Ao ocupar a tribuna, o advogado Antônio Pitombo criticou a “denúncia açodada” de Raquel Dodge, que desprezou a realização de um inquérito policial.

Segundo ele, a PGR anexou apenas um CD com um discurso, mas o material não foi periciado. “Não há prova material de que aquele é o discurso.”

Pitombo disse também que houve uma descontextualização de cada afirmativa feita pelo deputado, que criticava as políticas públicas de assistencialismo de quilombolas.

“Era uma atividade parlamentar. Ele tem o direito ao discurso. E não se pode eliminar o direito de expressão de opinião, gostemos ou não. Não estou discutindo racismo, mas a liberdade de expressão.”

Comentários

  • elisabeth -

    37 anos de carreira politica, nunca se ouviu nada dele e nem de suas realizações, agora tem opiniões de como resolver, saude, escola ,segurança, mas sempre como se fosse um general e olhar duro.

  • K -

    Até que enfim posso comentar. LIBERDADE DE EXPRESSÃO PARA TODOS !!!!! Quem vai decidir o que pode ser falado é ditadura. Palavras não devem ser criminalizadas. Onde vamos parar? Isso é no mundo todo

  • Aurélio -

    Tudo armação da vagabunda da PGR. Um órgão todo APARELHADO pelos filhos da puta do Dirceu.

Ler 26 comentários