Advogado diz que Vaccari “jamais foi tesoureiro de campanha”

A assessoria de imprensa do advogado Luiz Flávio Borges D’Urso, defensor de João Vaccari Neto, emitiu nota sobre a abertura de ação penal contra o ex-tesoureiro do PT e Fernando Haddad.

Leiam:

A Justiça paulista recebeu denúncia contra o ex-prefeito Fernando Haddad e João Vaccari Neto, ex-tesoureiro do PT. Segundo o advogado criminalista Luiz Flávio Borges D’Urso, defensor de Vaccari, seu cliente “jamais foi tesoureiro de campanha e nunca solicitou qualquer recurso para campanha de quem quer que seja”. Esclarece ainda D’Urso, que “o Sr Vaccari foi tesoureiro do partido (PT) e dessa forma solicitava doações legais somente para o partido, as quais eram realizadas por depósito em conta bancária do partido, com recibo e com prestação de contas às autoridades”. E como defensor conclui: “O Sr Vaccari jamais solicitou ou recebeu qualquer recurso em espécie para o PT, muito menos a título de propina. Quem eventualmente o acusa é um Delator, que nada prova, pois tratam-se de mentiras para obter diminuição de pena”.

Conheça Por Dentro O Estrago Que A Esquerda Fez na Venezuela. Poderia Ser No Brasil. MAIS AQUI

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 44 comentários
  1. Realmente, aquela grana era minha, proveniente do tesouro que achei na Ilha de Caras e pedi para o Haddad guardar, ele pegou a grana e gastou no PT, agora quero minha grana de volta, Dr. Urso.

  2. Vaccari nunca captou recursos ilícitos e provavelmente Haddad nem sabe do que está sendo acusado. Ponha-os num pau-de-arara, que eles vão lembrar logo das ocorrências delituosas. VAGABUNDOS.

  3. Sr Adv,nao se preocupe em explicar,sabemos quando se trata de petistas,eles não foram,não sabem não viram,desconhecem,e mentira,nunca vi.eu nãofui, perseguicao politica,etc..

  4. Toda delação vem sempre acompanhada de provas ou será recusada pela investigação o MP e por ultimo pelo próprio juiz, no caso do Lula as delações foram aceitas por todos os juízes

  5. Se o delator simplesmente delata mas nada oferece para dar alguma consistência ao que delatou, seu acordo não surte efeitos. Aliás, nem as autoridades aceitam uma delação nessas condições.

  6. Se faz urgente criar um meio legal p/ saber a origem do $$$ pago p/ advogados de criminosos; ex pobretões pagando fortunas? P/ cidadão comum o valor de honorário precisa ser revisto, é uma afronta