Aécio Neves e o impeachment

“Não é crime falar de impeachment”.

A frase é de Aécio Neves, hoje, na Folha de S. Paulo. Em seguida, ele acrescenta: “Desconhecer que há um sentimento de tamanha indignação na sociedade é desconhecer a realidade”.

Ao mesmo tempo em que admite falar sobre o impeachment, Aécio Neves diz que ainda faltam argumentos jurídicos e políticos para poder cassar o mandato de Dilma Rousseff.

Ele está certo em sua primeira frase: não é crime falar de impeachment. Na maioria dos casos, o verdadeiro crime é não falar de impeachment.

Sobre os elementos necessários para se poder cassar o mandato presidencial, eles dependem do Congresso Nacional. O PT vai achacar o PSDB na CPI da Petrobras, denunciando os tucanos que receberam propina das empreiteiras. Se Aécio Neves impedir que seus deputados se amedrontem, os argumentos para pedir o impeachment de Dilma Rousseff vão aparecer rapidamente.

Crime é não falar de impeachment

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200