Alckmin é de fazer chorar, mesmo sem gás lacrimogêneo

Geraldo Alckmin resolveu reorganizar a rede de escolas estaduais em São Paulo. As informações sobre se unidades serão fechadas ou não são controversas, o que só mostra como a comunicação do tucano é pitoresca.

Não vamos entrar no mérito da decisão, mas no da conveniência política. Por que um governo que não consegue entregar uma grande obra tem de inventar de reorganizar a rede de escolas estaduais?

Resultado: lá está agora um grupo de estudantes secundaristas da esquerda pirulito ocupando uma escola do bairro de Pinheiros. Ótimas imagens para os telejornais do Brasil inteiro. Ótima forma de desviar a atenção do único problema que interessa: o impeachment de Dilma Rousseff.

Gerando Alckmin é de fazer chorar, mesmo sem gás lacrimogêneo.

Faça o primeiro comentário