Alckmin, sabotador do PSDB e traidor do Brasil

Josias de Souza, do UOL, publicou que Geraldo Alckmin age nos bastidores contra o impeachment de Dilma Rousseff, porque acha que, se a petista sair antes, ele ficará “longe do jogo político” e perderá a chance de candidatar-se à Presidência da República em 2018.

Geraldo Alckmin é, portanto, um sabotador da linha definida por Fernando Henrique Cardoso.

Geraldo Alckmin é, portanto, um traidor do Brasil, porque põe os seus interesses pessoais acima das necessidades do país que trabalha, estuda e não aguenta mais ser roubado pela quadrilha que se apropriou do Estado.

Geraldo Alckmin é, portanto, indigno de ocupar até mesmo o cargo de copeiro da Presidência da República.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200