ACESSE

Alcolumbre desconfia ser alvo de ataque hacker e envia celular para polícia

Telegram

Davi Alcolumbre afirmou há pouco que enviará seu celular para análise da Polícia Legislativa.

O presidente do Senado relatou que desconfia ser alvo de um ataque hacker, que teria começado logo após o Senado aprovar o projeto contra fake news, há duas semanas.

“Eu peço desculpas a vários senadores que estão me ligando. Eu tive um problema no meu aparelho. Houve uma pane. Eu acho, eu desconfio, que foi em função da nossa votação aqui da fake news. Desde aquele dia, apareceram alguns problemas”, disse Alcolumbre, durante sessão do Congresso.

E completou:

“Desde sexta-feira, a minha rede no celular entra e sai. Eu passei sábado e o domingo sem aparelho. Quando eu transferi na segunda-feira para outro aparelho, entrou uma mensagem: ‘iPhone morto’ e cheio de caracteres na mensagem. Eu bloqueei de novo, tive que transferir para outro. Então, eu estou há praticamente quatro dias, mais ou menos, com o celular avariado. E estou encaminhando para a Polícia Legislativa para ver se detecta algum problema, no meu celular, de ordem externa.”

Leia mais: Golpe no planalto: o governo quase caiu na promessa de 500 bilhões de dólares

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 11 comentários