Além de Cabral, foram presos mais nove

Além de Sérgio Cabral, também foram cumpridos mandados de prisão preventiva contra seu braço-direito Wilson Carlos, o ex-secretário de obras Hudson Braga e o sócio Carlos Emanuel de Carvalho.

E ainda os ex-assessores Luiz Carlos Bezerra, Wagner Garcia e operadores José Orlando Rabelo e Luiz Paulo Reis. Foram presos temporariamente Paulo Magalhães Pinto e Alex Sardinha da Veiga.

Faça o primeiro comentário