Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Além de triplicar fundão, LDO veta cortes nos orçamentos de partidos

A possibilidade constava da primeira versão do projeto, mas foi retirada do texto pelo relator, o deputado Juscelino Filho
Além de triplicar fundão, LDO veta cortes nos orçamentos de partidos
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Além de triplicar o valor do fundão eleitoral para financiar campanhas eleitorais – agora em 5,7 bilhões de reaisa Lei de Diretrizes Orçamentárias aprovada na semana passada pelo Congresso proíbe a realização de cortes nas verbas do fundo partidário, diz a Crusoé.

“A possibilidade constava da primeira versão do projeto, encaminhada pelo governo Bolsonaro em abril deste ano, mas foi retirada do texto pelo relator do projeto, o deputado Juscelino Filho (DEM-MA)”

“Pela proposta original, cerca de 75% das verbas do fundo dos partidos políticos poderiam sofrer os chamados ‘contingenciamentos’ de despesa pelo TSE, segundo cálculos elaborados por técnicos do tribunal. A estimativa para 2021 é que esses valores poderiam chegar a 731 milhões de reais.”

Leia aqui.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO