Alerta máximo até domingo

Do deputado Bruno Araújo, do PSDB de Pernambuco, sobre as investidas do governo até domingo:

“O impeachment é certo. Eles sabem. Mas não tem jogo inocente aqui. Não vamos parar de monitorar os votos”.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 53 comentários
  1. além da correção para “a favor”, são 100 (cem) votos além do necessário e não apenas 10. Durmam um pouco mais esses dias que depois do impeachment vai ter muita coisa nova para noticiar.

  2. Gente, tem muita gente cardíaca que não pode ler esta manchete errada! Vamos consertar isto pessoal!!! Domingão mostraremos ao mundo o que é o orgulho de ser brasileiro! Asta la vista PT !

  3. Dia 17 será um dia glorioso, de festa! Mas, o melhor está por vir, que ocorrerá no dia 20: STF devolverá o processo do Lula para a República de Curitiba. Juiz Sergio Moro esperará o boquirroto de braços abertos. Mal vejo a hora deste grande momento acontecer!!!!

  4. Na verdade é a FAVOR. Mas quem conhece eleição sabe que não vale muito votos anotados em “cadernetinha”. Se dormir de barriga pra cima a jararaca está lá no hotel pronta pra dar o bote. Já vazou que pagam R$ 2 milhões por cabeça e o atestado médico sai na faixa. Eu heim. Por mim ia todo mundo em cana. Melhor ficar sem governo que desgovernados como estamos.

  5. O Cunha bem poderia ameaçar os indecisos com não conseguirem mais fazer seus “pronunciamentos” da tribuna da Câmara, se não votarem a favor do impeachment. Ou, ainda melhor, garantir-lhes a tribuna, já que são todos jabiracas do baixo clero – sempre sentados lá no fundão -, se votarem a favor.

  6. O que o PT fez com o povo, o povo está devolvendo na mesma moeda. A soberania popular não se limita ao voto. O poder emana do povo. Se os parlamentares não afastarem a presidente, o povo vai fazê-lo com as próprias mãos.

  7. Sideshow Bob 1 minuto atrás Golden Tulip oferece atestado médico e R$ 2 milhões para deputados nordestinos e cariocas que se ausentarem no domingo. O PROCON de Brasília já recebeu denúncias de oferta enganosa… na verdade os parlamentares estavam recebendo um sanduba de mortadela e um exame de próstata gratuito!

  8. Serão no mínimo 400 a favor do impedimento. Mas estou desconfiando que a situação de Dilma no plenário vai se equiparar à de Collor… pelo menos depois de 8 anos ela se elege senadora…