Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

“É crime fazer política pública com base na opinião do idiota”

Alessandro Vieira elabora um relatório final da CPI da Covid alternativo ao de Renan Calheiros
“É crime fazer política pública com base na opinião do idiota”
Foto: Pedro França/Agência Senado

O senador Alessandro Vieira (foto) elabora um relatório final da CPI da Covid alternativo ao de Renan Calheiros. Em entrevista ao Congresso em Foco, Vieira afirmou que procura apenas oferecer uma versão com um teor mais técnico

Eu não tenho qualquer intenção de disputar espaço ou autorias com Renan”, disse. “A produção de relatórios alternativos é absolutamente natural, isso faz parte do roteiro de qualquer CPI”.

Questionado sobre quais serão os principais eixos de seu relatório, Vieira afirmou:

Esses dois fatores somados geram mais gente contaminada e mais gente morta. Esse é o cerne. E quem são os responsáveis por essa conduta: uma cadeia de comando que começa com Jair Bolsonaro e segue até os servidores da Saúde. Junto com essa turma, temos algumas figuras que realizam uma ação tangencial, no sentido de formular as teses ou defender suas teorias. Mas não necessariamente a conduta dessas pessoas é crime. O relatório se concentra nos fatos e figuras centrais, para que não se jogue energia de forma totalmente aleatória em condutas que não serão crimes em análise posterior da justiça.

Eu tenho sintetizado isso em uma frase que é grosseira, mas é correta: não é crime ser idiota. É crime fazer política pública com base na opinião do idiota, pois a Constituição não dá esse direito. Bolsonaro não tem o direito de fazer aquilo que ele quer. Ele tem a obrigação de fazer aquilo que a Constituição exige: dar cumprimento à gestão pública buscando manter a razoabilidade, economia e respeito à vida. Ele rasgou tudo isso.

Mais notícias
TOPO