Alexandre de Moraes critica projeto que afrouxa punição a crimes de colarinho branco

O ministro Alexandre de Moraes criticou nesta terça-feira o projeto de lei que afouxa a punição a crimes de colarinho branco, entre outros delitos.

“Nós não podemos, a meu ver, apoiar que, em virtude do excesso de lotação, que se solte criminosos. Isso não é lógico do ponto de vista do combate à criminalidade. O que deve ser feito é analisar se todos que lá estão presos precisam ser presos”, disse depois de reunião com CNJ para discutir medidas de segurança pública.

O Senado mandou uma "continha" extra de R$ 6 bi para você pagar. Quem vai defender VOCÊ?

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 23 comentários
  1. Me engana que eu gosto, cabeça de pirulito. Permitir que um bandido durante o dia legisle e à noite seja recolhido à cadeia pode, não é? Onde já se viu um ladrão fazer leis para um país?

  2. O “Mané Garrincha “tá parado, transforma em presídio para políticos de Brasília . A mesma coisa para o estádio das Dunas , p/políticos do Nordeste e por aí adiante . Pra tudo há solução

  3. O corruPTo mata muito mais do que assassinos em série. É tão difícil entender que o dinheiro público desviado da saúde e da segurança é responsável pelas mortes de dependentes desses serviço