Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Alexandre de Moraes mantém prisão preventiva de Zé Trovão

Ministro ressalta que jurisprudência do STF é claramente contrária à liberação de suspeitos em fuga, como é o caso do caminhoneiro bolsonarista
Alexandre de Moraes mantém prisão preventiva de Zé Trovão
Reprodução/Redes Sociais

O ministro Alexandre de Moraes negou pedido de revogação da prisão preventiva do caminhoneiro Zé Trovão decretada por incitar atos antidemocráticos e violentos nas manifestações do 7 de Setembro. Trovão fugiu para o México, depois de passar pelo Panamá, e gravou e divulgou diversos vídeos em que desafiou a autoridade do STF.

Segundo Moraes, ainda por cima há notícias de que Zé Trovão pediu asilo político no México para evitar a prisão. “A jurisprudência desta Corte é pacífica no sentido de que a fuga do distrito da culpa constitui fundamento idôneo para a manutenção da prisão preventiva, não só para a garantia da ordem pública, mas também para assegurar a aplicação da lei penal”, afirmou Moraes.

Trovão alegou que o clima mudou desde as manifestações do 7 de Setembro e que ficou evidente um desejo dos manifestantes de diminuir a temperatura do debate político nacional contra o STF.

A Procuradoria-geral da República se manifestou contra o pedido de Trovão, já que o caminhoneiro bolsonarista fugiu e nunca foi encontrado para que o mandado fosse cumprido.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO