Alguém poderia perguntar a Abílio?

Os jornais destacam que Abílio Diniz, em Nova York, disse que “o Brasil está em liquidação”, por causa do câmbio “muito, muito alto”.

Alguém poderia perguntar a Abílio Diniz por que o Pão de Açúcar, então controlado por ele, pagou 5,5 milhões de reais a Antonio Palocci, um valor muito, muito alto? E via escritório de Márcio Thomaz Bastos? E sem que houvesse contrato assinado? E antes da campanha de 2010?

Aquela história de que foi para Antonio Palocci ajudar na fusão com as Casas Bahia não colou.