Alguma coisa familiar

Felipe Moura Brasil, na Crusoé:

“Flávio Bolsonaro será julgado por outro juiz – não o da fase da investigação, Flávio Itabaiana –, caso ainda não tenha havido o recebimento de eventual denúncia contra o filho do presidente quando o juiz das garantias for implementado. Apesar de ter adiado por 180 dias a implementação, Dias Toffoli acabou confirmando esta aplicação do artigo 2º do Código do Processo Penal, exatamente como comentei no Twitter em 27 de dezembro de 2019, após o Natal em que Jair Bolsonaro sancionou o referido jabuti do pacote originalmente anticrime, contrariando Sergio Moro. […]

Quando antecipei esta análise no fim do ano, os bolsonaristas espernearam, como de costume. Isto porque ela mostra que Jair Bolsonaro sancionou uma lei aprovada pelo Congresso que, em tese, poderia beneficiar seu filho 01, especialmente se entrasse em vigor em 23 de janeiro (como era previsto antes da liminar do presidente do STF em três ações que a questionaram, sob forte pressão dos cidadãos vigilantes).”

Leia a íntegra da coluna:

Alguma coisa familiar

Comentários

  • Jose -

    FMB é melhor dar logo a b.,,.. para o FB.

  • Fabricio -

    O Felipe MB é aquele que acusou blogueiras sem ouvir as blogueiras? Belo "jornalista", não respeita nem colegas.

  • Marcia -

    fmb já cansou com a mesma faixa do disco.

Ler 49 comentários