ACESSE

Promotor preso hoje pela PF é aliado de Bolsonaro no Amapá

Telegram

Um dos presos de hoje pela Polícia Federal no Amapá, lembra a coluna de Lauro Jardim, é o promotor Moisés Rivaldo, atual secretário de Educação e, até então, o pré-candidato de Jair Bolsonaro ao Senado no estado.

Os alvos da Operação Minamata são investigados pela exploração ilegal de ouro, com uso de mão de obra análoga à escravidão.

Comentários

  • Mau-caratismo -

    Mais uma FakeNews do pseudo-jornalista Lauro Jardim apoiado pelo Antagonistas. Vamos aos fatos: 1. Bolsoanro ainda não está filiado ao PATRIOTAS(antigo PEN), somente estará em 2018; 2. Esse promotor foi candidato ao SENADO pelo PEN em 2014; 3. A imagem é uma MONTAGEM SEM VERGONHA; 4. Essa foto do promotor é de 2014, como candidato ao Senado; 5. A Foto do Bolsonaro é recente, é dos dias de hoje; 6. É Aliado do Senador Randolfe Rodrigues(REDE); 7. Em 01.08.17 sabendo de Bolsoanro no PATRIOTAS, antigo PEN, nessa entrevista o promotor se declara radicalmente contra a vinda de Bolsonaro ao partido. / https://www.facebook.com/foraptprime/photos/a.276260619142605.47869.140140766087925/1204787549623236/?type=3&theater / Pesquisem por si só. / Tempos de internet, manipulação de textos e imgs.

  • Rodrigo -

    A questão é se vai manter o apoio ou não. No mais, o motivo da investigação não é corrupção, entra na polêmica do trabalho análogo a escravidão e exploração de minérios em terras indignas.

  • juca -

    Partido NOVO 30 !! O Partido dos FICHAS LIMPAS !! Dá-lhe Amoêdo Presidente. O liberal RAIZ !!

Ler 294 comentários