Aliado de Bolsonaro no agro diz que ideia de fundir Agricultura e Meio Ambiente pode ser revista

O presidente da União Democrática Ruralista (UDR), Luiz Antonio Nabhan Garcia, aliado de Jair Bolsonaro, disse que a proposta de fundir os ministérios da Agricultura e do Meio Ambiente pode ser revista.

“Podemos, sim, rever a fusão das pastas da Agricultura e do Meio Ambiente. Se tiver que funcionar a pasta da Agricultura aqui e o ministério do Meio Ambiente lá, tudo bem, vai valer a vontade da maioria da sociedade brasileira. Ninguém quer mais um governo autoritário, duro, sem flexibilidade, com arrogância.”

Nabhan se reuniu há pouco com o candidato do PSL, registra o Estadão. Antes do encontro, ele havia dito que a fusão das duas pastas era “inevitável”.

Crime organizando tentando influenciar a eleição? Confira AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 51 comentários
  1. O Ministério do meio ambiente tem que ser fundido com o Ministério do turismo. Os dois têm que trabalhar muito pela proteção, fiscalização das grandes reservas ecológicas através do turismo e

  2. Cheio de palpiteiro aparecendo, votamos em Bolsonaro e sua proposta de fusão e redução de ministérios, se fizer diferente vai perder a credibilidade do povo para atender políticos. B17

    1. Os objetivos das duas pastas são antagônicos em grande parte. Meio ambiente pode ter mais a ver com C & T do que com agronegócio. É preciso pensar como estadistas, não como radical petista arroga

  3. No Reino Unido já é assim desde 2001. Funciona sem problemas, e representa o país tanto no Conselho de Agricultura quanto no de Meio Ambiente da Comunidade Européia. Idéia excelente, que não se

    1. Que não se perca a idéia. Aliás, ultimamente tem muita gente próxima a Bolsonaro dando palpites infelizes, está faltando coordenação central.

  4. Jair Bolsonaro sempre reitera. A vontade da maioria não é autoritarismo. É maioria. E diminuir os ministérios, fazendo com que o ministério do meio ambiente não arrange encrencas, é certo.

  5. Nada contrário a fusões de ministérios.A simples manutenção de ministérios em nada acrescenta as ações importantes nestas áreas.Temos sim de indicar pessoas honestas e competentes para minist

    1. O ideal seria junta ainda mais ministérios. O número de 15, ou menos, tem que ser mantido. É ponto de honra. Promessa de campanha.

    1. Jair Bolsonaro não acredita no aquecimento global, da mentira como propagam, onde a causa principal é o homem. Ele sairia, também, desses protocolos, se fosse desvantajoso economicamente.

  6. Pô, respeita o candidato. Ele precisa mandar todo mundo calar a boca? Só dá pra levar a sério oq ue sai da boca do próprio Bolsonaro. Tem gente que está querendo se fazer em cima dele!

    1. Pois é. Os caras ficam dando versões diferentes das versões do capitão. Jair Bolsonaro sempre reitera que ele fundirá, e/ou extinguirá ministérios.

    1. Conselhos de uma minoria, contrários ao discurso que ele sempre sustentou? Que vez ele ganhar votos? Eu digo que democraticamente Jair Bolsonaro escute, mas que siga com o plano

    2. Conselheiros Bolsonaro já tem, palpiteiro como esse oportunista agora estão aparecendo, votamos na proposta de fusão, não para mudar depois, são 15 ministérios e ponto. B17

    1. Perfeito. O meio ambiente tem que estar na cabeça de cada brasileiro e cada agricultor, nada mais. O resto é a Lei e uma secretária.

    2. Com certeza! São áreas que muito me preocupam. Que os Ministros interajam bem e sejam competentes. Os contrapontos serão inevitáveis, mas bem conduzidos serão produtivos para o País.

    1. Vai acontecer. Fuxico não é fato. O fato são as promessas de campanha de Jair Bolsonaro, que tem 30 anos de história. Mais vale o que ele fala nas entrevista, do que fuxicos de aliados.

    2. (Outra) Penso que será melhor uma articulação harmônica e competente entre os dois Ministérios. Isso reduzirá excessos de ambos os lados.