Alô, Feira; Alô, Xepa

O Globo:

“Os celulares e as contas nas redes sociais da jornalista e publicitária Mônica Moura estão ativos e entraram no radar da Lava-Jato. A força-tarefa já sabe que um aplicativo de mensagem instantânea da mulher do marqueteiro João Santana, ficou ativo por mais de 24 horas depois de o casal se entregar à Polícia Federal.

Os equipamentos do casal não foram entregues aos policiais terça-feira passada, quando eles se apresentaram à Polícia Federal.”

Essa gente acha que está brincando de polícia e ladrão.