Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Alvaro Dias: "Pacheco pode juntar as duas CPIs"

Alvaro Dias: “Pacheco pode juntar as duas CPIs”
Foto: Pedro França/Agência Senado

O senador Alvaro Dias, líder do Podemos, disse a O Antagonista que Rodrigo Pacheco pode juntar as duas propostas de CPI da Covid, a que se destina a investigar especificamente o governo federal e a que alcança estados e municípios — esta segunda, encampada inicialmente pela bancada do Podemos e que alcançou o apoio necessário há pouco.

O que dá é para apensar as duas. O presidente pode fazer isto: apensar as duas e alargar o fato determinado.”

Segundo Dias, a maioria dos senadores, governistas ou não, defende uma investigação mais ampla. Em se confirmando uma comissão que investigue governo federal, governadores e prefeitos, o líder do Podemos não acha que a decisão do ministro Luís Roberto Barroso, de mandar instalar a CPI para investigar o governo federal, seria desrespeitada.

“Não haverá desrespeito, porque o objetivo terá sido alcançado: o direito da minoria de investigar estará garantido.”

Dias acrescentou que, no seu entender, uma CPI pode acumular “fatos conexos”. “Sempre foi assim”, afirmou ele, lembrando que na CPI dos Bingos, por exemplo, “até o assassinato de Celso Daniel, então prefeito de Santo André, foi investigado”.

Leia mais: Não deixe de ler a edição especial da Crusoé, a revista que fiscaliza TODOS os poderes.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO