Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Alvaro Dias: "Um Temer só não será suficiente para garantir o equilíbrio"

Para o líder do Podemos no Senado, a "pacificação" com a nota divulgada ontem por Jair Bolsonaro "não assegura a paz" em Brasília
Alvaro Dias: “Um Temer só não será suficiente para garantir o equilíbrio”
Foto: Roque de Sá/Agência Senado

O senador Alvaro Dias, líder do Podemos, disse a O Antagonista que o recuo de ontem de Jair Bolsonaro em relação aos discursos golpistas de 7 de Setembro “poderia ser considerado gesto de grandeza”, mas o histórico do presidente não permite fazermos essa leitura.

“O recuo de Bolsonaro foi consequência do seu emparedamento e da presença de Michel Temer no Palácio do Planalto, reflexo do isolamento do presidente. A tábua de salvação não estava em casa, mas veio de fora.”

Dias acrescentou que “a pacificação do dia, infelizmente, não assegura a paz”.

“A estratégia do desvio de foco e da transferência de responsabilidades diante de fracassos reconhecidos leva o presidente a alimentar um constante estado de beligerância. Um Temer só não será suficiente para garantir o equilíbrio.”

O senador afirmou também que “a sociedade exige paz e trabalho”.

“Que o presidente saia da bolha e a ouça ou passará para a História como a crônica da frustração anunciada.”

Nesta semana, como antecipamos, o Podemos decidiu não apoiar eventual processo de impeachment de Bolsonaro.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO