ACESSE

Alvo da Calvário, Cruz Vermelha é beneficiária de 'apostas esportivas'

Telegram

A Cruz Vermelha Brasileira, alvo da Operação Calvário, é uma das entidades beneficiárias da arrecadação das loterias esportivas, conforme a Lei 13.756 de dezembro de 2018, sancionada por Michel Temer no apagar das luzes de seu governo.

Diz o artigo 19 que “a renda líquida de três concursos por ano da loteria de prognósticos esportivos será destinada alternadamente” para a Federação Nacional das Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Fenapaes), a Cruz Vermelha Brasileira e a Federação Nacional das Associações Pestalozzi (Fenapestalozzi).

O inciso 1º ressalta que essas mesmas entidades terão de prestar contas públicas do dinheiro que receberem.

Duas investigações em andamento podem tirar Renan Calheiros da zona de conforto. CONFIRA

Comentários

  • Marcio -

    Essas ongs que o PT criou são iguais aos sindicatos.

  • Fátima -

    Certamente, não são apenas 3 arrecadações por ano. Eu apostaria que eles (os corruptos) ficam com quase 100% dos prêmios. Vez em quando, aparece um ganhador REAL aqui e ali.

  • Edenilson -

    Com leis flouxas a corrupcao ja era sistemica inagine com as novas leis sob medida feitas recentemente por bandidos do Congresso

Ler 17 comentários