Alvo da operação que prendeu Joesley se apresenta à PF

Florisvaldo Caetano de Oliveira, apontado como entregador de propinas da JBS, se apresentou neste sábado na sede da Polícia Federal em São Paulo, informa o G1.

Ele é investigado por suspeita de envolvimento num suposto esquema de corrupção no Ministério da Agricultura durante o governo Dilma Rousseff.

Além dele, estão presos o empresário Joesley Batista e o ex-executivo da J&F, Ricardo Saud, que foram detidos na sexta-feira na mesma operação.

O amigo de José Dirceu na corte de Bolsonaro. Saiba mais AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Claudio disse:

    Que fiquem presos. Apodreçam na cadeia junto com o Grande chefe da Orcrim luladrão

Ler comentários
  1. Eduardo disse:

    Alguém sabe dizer porque o Whesley não foi preso?

  2. Maria disse:

    Temer tá querendo calar TODOS? A PF de SP tá nas mãos de Temer? Esse foi quem entregou 1 milhão ao Coronel Lima, que não ABRIU a boca! To sentindo cheiro de coisa armada!

  3. Maria disse:

    Foi esse quem entregou 1 milhão ao Coronel Lima, né?

  4. Walter disse:

    impressionante o que estes caras sao canalhas e ardilosos...tem que deixar a pao e agua ate falarem tudinho...

  5. André disse:

    E o Wesley Safadão Batista não vai ser preso tb ?

  6. Osvaldo disse:

    Será que eu vou viver pra mim presenciar a prisão do ultimo coronel Renan Calheiros....

    1. Pode ter certeza Oswaldo, pois o novo Ministério da Justiça será da "Justiça" e deixará essa Corte de honoráveis b.... exposta ao ridículo os fazendo desarquivar de suas gavetas os processos

    2. Osvaldo, e eu para ver a Dilmanta em algum presídio feminino de alta segurança?