Amigo e “Amigo”

O Antagonista já disse trezentas vezes: Emilio Odebrecht vai delatar Lula, seu amigo e seu “Amigo”.

Lauro Jardim recebeu a mesma notícia:

“Em sua delação, Emilio Odebrecht fala de algumas cabeças coroadas da política brasileira. Mas fundamentalmente fala de Lula”.

Releia aqui:

O DOCUMENTO-CHAVE

Brasil 16.10.16 14:42

O documento-chave para os investigadores da Lava Jato é aquele que mostra o saldo que o trio da propina ainda tinha a receber da Odebrecht:

– “Italiano”, ou Antonio Palocci, R$ 6.000.000
– “Amigo”, ou Lula, R$ 23.000.000

– “Pós-Itália, ou Guido Mantega, R$ 50.000.000

Para a Lava Jato, o trio da propina recebia um percentual sobre os contratos da empreiteira. Os créditos eram depositados no Setor de Operações Estruturadas, em nome de cada um deles, como se fossem contas correntes, das quais eles sacavam de acordo com as próprias necessidades.

Nos últimos dias, o esquema foi confirmado por Emilio Odebrecht – o “amigo” de Lula – e por outros delatores da empresa.

O trio da propina se danou de verde e amarelo.

Faça o primeiro comentário