Amoêdo tecnicamente empatado com Alckmin e Haddad

João Amoêdo manteve seus 4% dos votos na pesquisa do BTG Pactual.

Ele está tecnicamente empatado com Geraldo Alckmin, que caiu de 9% para 8%, Fernando Haddad, que subiu de 5% para 6%, e Alvaro Dias, que continuou com 3%.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 36 comentários
  1. BTG pactual, por acaso tem a ver com aquele banco que se capitalizou com nosso dinheiro, desviado da Petrobrás, BNDES, etc.!?! Onde os políticos aplicam com a certeza de transformar reais em francos

  2. Amoedo “investiu” na compra institucional de apoio da imprensa, achando que iria roubar votos de Bolsonaro. Bolsonaro só cresce (especialistas diziam que ele estaria “desidratado”). Go Bolsonaro!

    1. Tão sério só que a serviço do magnata esquerdista George Soros que financia a esquerda mundo afora através da sua Open Society Foundation! FHC conhece bem!

    1. O Antagonista/establishment etc…, tentam criar a nova “margem de erro” de 10% pra cima/pra baixo, pois o Plano “A” Alckmin já era…, agora resta a eles o Plano “B” Amoêdo do “NOVO”(engodo) kkkkkkk

    2. A pesquisa tem margem de erro de 2%. Ou seja, Alckmin vai de 6% a 10% e Amoedo de 2% a 6%. Isso é considerado um empate técnico, Marta.

  3. Lembrando que eleitores de candidatos que sabidamente não vão vencer, tendem a ter menos votos ainda, no dia do voto. Eles oferecerão seu voto de confiança, em grande parte, pro Jair Bolsonaro 17.

    1. Lembrando que as pesquisas tem errado vergonhosamente e há a possibilidade de haver uma surpresa nas urnas. Amoêdo30 #ondalaranja #novo30

    1. Amoêdo não é a favor de ideologia de gênero, isso é fake news das grossas, de gente de mau caráter, não é a favor do aborto e claro que é amigo de banqueiro, qual o problema disso?

    1. Que é isso, cidadão. Tem gente melhor no Partido New que o presidenciável atual. Este só liga pra discussões do jargão economês, relativizando temas do campo cultural, moral, de segurança, etc.

  4. É engraçado ler alguém falando em renovar a “velha política” citando seu voto para um q está 27 anos no Congresso e nao se destacou em nada!Ok, voto é livre mas precisamos ser coerentes, certo?

  5. Não voto na SmartMatic, pois voto sem recibo vicia todo o processo eleitoral (voto A vira B). É preciso abstenções em massa para não validarmos as pesquisas e urnas eletrônicas.

    1. Concordo, dividir votos ao invés de focar em Bolsonaro que tem mais chance, é ajudar a esquerda. Velha política é centrão, quem tem CODINOME em planilha de empreiteira etc

    2. Sugiro aos Marqueteiros de Amoêdo que orientem seu cliente para se opor a Bolsonaro e a todos os candidatos, pois ganhará votos, como ganhou o meu. O INIMIGO é a velha política, incluindo Bolsonaro!