“André estava preocupado”

Lauro Jardim:

“O que apareceu até agora sobre André Esteves, e que já foi suficiente para sua prisão, é apenas o início de uma série de revelações que a PGR tem sobre ele”.

O maior temor de André Esteves era a denúncia de que ele havia distribuído propina a Fernando Collor.

Como disse Delcídio Amaral:

“André me procurou, ele estava preocupado, né, especialmente com relação àquela operação (…) dos postos, né”.

O Antagonista resumiu da seguinte maneira a “operação dos postos”:

Alberto Youssef, um dos operadores do petrolão, afirma que o banqueiro André Esteves, do BTG Pactual, hoje o maior banco de investimentos do Brasil, pagou propina para que a BR Distribuidora, da Petrobras, passasse a estampar em 2012 a sua marca na rede de postos de gasolina DVBR, adquirida por André Esteves em 2008, para colocá-lo na “economia real”, e que mostrou ser um péssimo negócio.


Faça o primeiro comentário