Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

'Ano que vem vamos ter que vacinar todo mundo de novo', diz diretor do Sírio-Libanês

O médico Fernando Ganem citou as mutações do coronavírus e afirmou que a imunização contra a Covid deverá funcionar como a da gripe
Ano que vem vamos ter que vacinar todo mundo de novo, diz diretor do Sírio-Libanês
Foto: Hospital Sírio-Libanês/Divulgação

O novo diretor-geral do Hospital Sírio-Libanês (SP), Fernando Ganem, indicou que existirá a necessidade de uma imunização anual contra a Covid.

Em entrevista à Folha publicada hoje, ele citou as mutações do coronavírus e afirmou que a vacinação contra a Covid deverá funcionar como a da gripe.

Ano que vem vamos ter que começar vacinar todo mundo de novo. Vai funcionar como funciona na gripe; mudam as variantes, tem que fazer nova adaptação da vacina.”

Ele relatou hospital vem registrando casos de reinfecção por Covid entre pessoas já vacinadas, mas sem ocorrências graves ou que tenham levado pacientes à morte.

O diretor do Sírio também afirmou que a máscara continuará sendo um item essencial “por muito tempo” para evitar o avanço do coronavírus.

Vamos ter que continuar usando máscara ainda por muito tempo, independentemente de uma recomendação técnica, deve ser uma orientação comportamental. Sempre que possível, precisamos diminuir a probabilidade do contágio.”

Na última quinta-feira (10), o presidente Jair Bolsonaro disse que o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, assinaria um parecer desobrigando o uso de máscara para quem já teve Covid ou foi vacinado. No dia seguinte, no entanto, o presidente recuou e falou que caberá ao titular da Saúde decidir sobre a flexibilização. 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO