Em reunião de manhã com Bolsonaro, Lira cobrou demissão de Ernesto

Em reunião de manhã com Bolsonaro, Lira cobrou demissão de Ernesto
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Durante conversa com o presidente Jair Bolsonaro ocorrida hoje de manhã, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), cobrou ações urgentes na condução da política externa brasileira.

Lira e Bolsonaro tomaram café da manhã no Palácio do Planalto e, no encontro, foi discutida a saída de Ernesto Araújo. Bolsonaro disse ao presidente da Câmara que estava em busca de uma saída honrosa para o seu auxiliar.

Lira, por sua vez, ressaltou ao presidente que a permanência de Araújo se tornou insustentável depois que o próprio ministro usou o Twitter para insinuar que a senadora Kátia Abreu (PP-TO) faria lobby pelo 5G da China.

Leia mais: Pois é, nada mudou da esquerda para a direita.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO