Antonio Palocci promete delatar dois bancos

Antonio Palocci promete delatar dois bancos
O ex-ministro da Casa Civil e da Fazenda Antonio Palocci (PT) deixa o Instituto Médico Legal (IML) em Curitiba para exame de corpo de delito. Palocci foi preso temporariamente na 35ª fase da Operação Lava Jato, intitulada Omertà, que investiga indicios de relação criminosa entre o ex-ministro e a empreiteira Odebrecht

Antonio Palocci negocia um acordo com a PF.

Segundo O Globo, “as tratativas estão avançadas e terão um desfecho, no mais tardar, já em maio”.

Além de delatar os esquemas de Lula, Antonio Palocci promete delatar também os principais clientes de sua empresa de consultoria, que ele favoreceu em troca de propinas.

Em particular, “dois bancos, um deles com grande atuação varejista no país”.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO