ACESSE

Anvisa começa votação da maconha medicinal

Telegram

A diretoria colegiada da Anvisa vota nesta manhã a regulamentação da maconha medicinal no Brasil.

Primeiro a se pronunciar, o diretor Fernando Mendes votou por uma autorização sanitária específica e provisória, com prazo de validade definido e improrrogável, para os medicamentos à base de canabidiol (CBD).

Mendes votou contra o registro facilitado para remédios à base de CBD, proposta em pauta pelo fato de esses medicamentos ainda serem experimentais. E propôs uma regulação substitutiva.

Ainda faltam três votos. Renato Porto, um dos diretores, renunciou ao cargo na última sexta-feira.

 

A insurreição contra a tentativa no STF de parar a Lava Jato. Mais aqui

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 6 comentários