Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Anvisa encerra pedido para uso emergencial da Covaxin

A decisão foi tomada um dia depois de a Bharat Biotech anunciar o cancelamento de seu contrato com a intermediária Precisa Medicamentos
Anvisa encerra pedido para uso emergencial da Covaxin
Foto: Reprodução/EBC

A Anvisa decidiu neste sábado encerrar os processos em curso da vacina indiana Covaxin para uso emergencial e ensaio clínico no Brasil. 

A decisão foi tomada de forma unânime pela diretoria colegiada da agência e ocorre um dia depois de a Bharat Biotech anunciar o cancelamento de seu contrato com a intermediária Precisa Medicamentos.

Em seu voto, a diretora Meiruze Freitas, relatora do processo, afirmou que “o rompimento da relação comercial entre as empresas, bem como a decadência de requisito fundamental para a Autorização de Uso Emergencial implica em impedimento da manutenção e continuidade da avaliação do pedido.”

A negativa está ancorada ao princípio da eficiência, uma vez que seguir com uma avaliação técnica de uma petição já administrativamente corrompida implicaria em significativo desperdício de esforços e recursos da administração”.

A Covaxin é um dos principais focos da CPI da Covid por suspeita de irregularidades no contrato entre a Precisa e o Ministério da Saúde para fornecimento de 20 milhões de doses do imunizante.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO