Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Anvisa: vacina da Pfizer permanece autorizada para maiores de 12 anos

Em nota, a agência explicou que, por ora, não há relação causal entre a morte de uma jovem de 16 anos e a imunização contra covid
Anvisa: vacina da Pfizer permanece autorizada para maiores de 12 anos
Foto: Myke Sena/MS

Em meio à controvérsia criada pelo Ministério da Saúde sobre a vacinação contra Covid de adolescentes sem comorbidades, a Anvisa divulgou nota em que reafirma o seguinte: “Com os dados disponíveis até o momento, não existem evidências que subsidiem ou demandem alterações da bula aprovada, destacadamente, quanto à indicação de uso da vacina da Pfizer na população entre 12 e 17 anos“.

A agência ressalta que a aplicação da vacina da Pfizer em adolescentes de 12 anos ou mais está autorizada em vem ocorrendo em diversos países, como os da União Europeia, Estados Unidos, Reino Unido, Canadá e Austrália.

O caso de uma adolescente de 16 anos que morreu após a aplicação da vacina da Pfizer está em apuração. A Anvisa explica que foi informada ontem (15) que em 2 de setembro ocorreu “uma reação adversa grave” em uma jovem após uso da vacina contra a Covid. Mas, segundo a Anvisa, não há uma relação causal definida entre este episódio e a administração da vacina. “Os dados recebidos ainda são preliminares e necessitam de aprofundamento para confirmar ou descartar a relação causal com a vacina“, diz a nota.

Mais notícias
TOPO