Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Após entrevista de Tolentino a O Antagonista, Sírio-Libanês vai analisar atestados

Empresário apontado como sócio do FIB Bank deveria ter prestado depoimento hoje, porém apresentou um atestado médico para ser dispensado
Após entrevista de Tolentino a O Antagonista, Sírio-Libanês vai analisar atestados
Reprodução/Papo Antagonista

O presidente da CPI da Covid, Omar Aziz (PSD-AM), afirmou há pouco que a direção do hospital Sírio-Libanês vai instituir uma junta médica para analisar os atestados médicos ao lobista da Precisa Medicamentos Marconny Farias e do sócio oculto da FIB Bank Marcos Tolentino.

A decisão foi tomada após Tolentino ter concedido entrevista a O Antagonista, ontem, depois de ele ter sido internado com “grave mal-estar”. Tolentino deveria ter prestado depoimento hoje, porém apresentou um atestado médico para ser dispensado da oitiva.

“Vai ser instituída uma junta médica e a direção do hospital vai me responder tecnicamente. Eles disseram que a gente fique tranquilo que não há irresponsabilidade deles de dar um atestado para quem não está realmente doente”, disse Aziz.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO