Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Após suspensão, SP libera doses para "sommeliers de vacina"

Depois de uma espera de quase 5 semanas, os moradores da capital paulista que recusaram imunizantes poderão voltar aos postos
Após suspensão, SP libera doses para “sommeliers de vacina”
Foto: Pedro Ventura/Agência Brasília

Depois de quase 5 semanas de espera, os “sommeliers de vacina” foram autorizados a retornar aos postos de imunização de São Paulo a partir desta quinta-feira (19).

Segundo a gestão municipal, 2.167 pessoas foram para o final da fila por se recusarem a tomar o imunizante contra a Covid que estava disponível nos locais de vacinação. A ação acontece após a conclusão do cronograma de vacinação da população adulta da capital paulista.

A lei que pune os “sommeliers” foi sancionada pelo prefeito Ricardo Nunes em julho. Quem não tomou a vacina por causa do fabricante teve de assinar um termo. A administração municipal reforçou que essas pessoas continuarão proibidas de escolher o imunizante.

Além da cidade da capital paulista, outras cidades da Grande São Paulo, como Osasco, São Caetano, Campinas, São José do Rio Preto, São Bernardo, Embu das Artes, Jales e Urupês adotaram a mesma medida.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO