Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Após paralisação do Ipen, Anvisa autoriza importação excepcional de remédios para câncer

Governo federal interrompeu produção de radiofármacos por falta de verba
Após paralisação do Ipen, Anvisa autoriza importação excepcional de remédios para câncer
Foto: S. Slavchev/AIEA

A Anvisa aprovou nesta quarta (29) a importação temporária e excepcional de radiofármacos.

Segundo a agência, “[o] objetivo é reduzir o risco de desabastecimento desses produtos no Brasil, tendo em vista problemas recentes na produção nacional”.

O diretor Alex Campos, relator da matéria, afimou em nota que “[o] cenário é de perplexidade e causa temor porque as pessoas, muitas vezes, precisam desses produtos para sobreviver”.

O procedimento excepcional vai permitir a importação tanto por órgãos e entidades públicas quanto por pessoas jurídicas de direito privado.

Os radiofármacos são medicamentos utilizados em diferentes procedimentos de diagnósticos e tratamento de diferentes tipos de câncer.

Leia maisPontes admite a deputados que faltou dinheiro para remédios contra o câncer

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO