Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Após tentativa de manobra governista, CPI confirma lista de 14 investigados

No início da sessão, a base governista tentou excluir do rol de investigados o ministro da Saúde
Após tentativa de manobra governista, CPI confirma lista de 14 investigados
Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

O plenário da CPI da Covid referendou, há pouco, a lista de 14 pessoas que passarão à condição de investigadas pelos senadores.

Na sexta-feira da semana passada, o relator do colegiado, Renan Calheiros (MDB-AL), anunciou a lista de investigados pela comissão, entre os quais o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga e o ex-comandante da pasta Eduardo Pazuello.

Hoje, no início da sessão, a base governista tentou excluir do rol de investigados o ministro da Saúde, após requerimento apresentado pelo senador Luis Carlos Heinze (PP-RS). Heinze apresentou um pedido à comissão para que o colegiado deliberasse sobre as pessoas que passariam a ser investigadas pela CPI.

Depois da solicitação de Heinze, Omar Aziz colocou em votação a lista de Renan e a comissão, por votação simbólica, referendou a decisão do relator da CPI.

A própria base governista reclamou do requerimento de Heinze. “Os senhores que se entendam”, disse Omar Aziz para o senador Marcos Rogério (DEM-RO).

Leia abaixo a lista dos investigados pela CPI:

  1. Elcio Franco Filho, ex-secretário executivo da Saúde;
  2. Arthur Weintraub, ex-assessor da Presidência da República;
  3. Carlos Wizard, empresário;
  4. Eduardo Pazuello, ex-ministro da Saúde;
  5. Ernesto Araújo, ex-ministro das Relações Exteriores;
  6. Fábio Wajngarten, ex-secretário de Comunicação;
  7. Franciele Francinato, coordenadora do Programa Nacional de Imunização;
  8. Hélio Angotti Neto, médico;
  9. Marcellus Campêlo, ex-secretário de Saúde do Amazonas;
  10. Marcelo Queiroga, ministro da Saúde;
  11. Mayra Pinheiro, secretária de Trabalho e Educação;
  12. Nise Yamaguchi, médica;
  13. Paolo Zanotto, professor e pesquisador; e
  14. Luciano Dias Azevedo, secretário Ciência e Tecnologia.
 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO