A aposentadoria de Dilma

Dilma Rousseff tem direito à sua aposentadoria, segundo o INSS.

O caso do fura-fila foi revelado no ano passado:

Um dia depois da aprovação do impeachment no Senado, o ex-ministro Carlos Gabas e uma secretária de Dilma entraram, pelos fundos, numa agência da Previdência em Brasília.

Em minutos, o processo de aposentadoria da ex-presidente foi aberto no sistema e concluído sigilosamente. Brasileiros comuns esperam pelo menos 90 dias para obter o benefício.

Com a furada de fila, Dilma se aposentou com o salário máximo, de 5 189 reais.

O fundamental é que Dilma Rousseff foi aposentada pelos eleitores de Minas Gerais.

A grande imprensa está, é claro, atrasada no episódio do convite de Bolsonaro a Sergio Moro... LEIA AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 68 comentários
  1. Aposentou-se sem ter contribuído por 30 anos, que era o mínimo da época. Aposentou-se com base na Lei da Anistia, mas na época em que sua ocupação era terrorista, tampouco tinha registo na carte

  2. A média de salários de contribuição ficou altíssima. Ela já havia trabalhado ou contribuído antes de ser ministra? Por quanto tempo? Peçam cópia do processo administrativo completo. Deve ser

  3. O Antagonista precisa apurar simplesmente como ela conseguiu chegar ao valor do teto na aposentadoria, visto que no período que era guerrilheira, não contribuiu financeiramente, só com o tempo.

  4. 90 dias? O meu levou 2 anos – os doc. estavam 100% em ordem! – e, assim mesmo, porque entrei com advogado que me levou uns 20 meses da contribuição. Queria saber c/ quem no INSS ele dividiu….

  5. Falta de respeito generalizado, por isso vivemos essa verdadeira zona social. Os exemplos maus vem de cima, dos que detém ou detiveram o poder. Arrogância predomina, o povo? Simples restolhos.

  6. Acompanho aqui a saga de D. Eva, gari, salário mínimo, 50 anos e um joelho precisando de uma prótese. Na perícia lhe disseram que seria mais fácil conseguir se aposentar se ela amputasse a perna.

    1. E eu conheço uma costureira que está praticamente cega, portanto não consegue mais costurar, e o benefício lhe foi negado.

    1. Problema nenhum. Mas porque se incomodar com a aposentadoria da dilma? A diferença entre eles é apenas o lugar das dinamites…😂😂😂😉

    1. como todos os parlamentares com 2 ou mais mandatos. é lei. tem que acabar com essas leis que privilegiam toda a classe politica independente de ideologia

  7. Uma vez petista, sempre ira se apropriar de alguma benesse, seja por meios ilícitos ou não, essa anta não é diferente, mas o martírio dela nem começou, em breve espero, ela fara companhia ao lul

  8. esses ex sociopatas presidentes corruptos, custam muito caro, já roubaram e detonaram o país! tem até bolsa exílio, o q é isso???? deixa um salário mínimo de aposentadoria q já tá bom demais.

    1. Sim porque caso não o considerassem a autora poderia soltar o vento ensacado e provocar danos ao prédio. E para quem já matou soldado no exército, todo cuidado é pouco….

    1. Este tempo fictício só conta para quem tem a chave do cofre. Leia-se patrocinou maldades, praticou atentados, etc. para os cidadãos comuns não vale, só para os que mataram, aí sim vale.

  9. essa mau carater sabia de tudo em detalhes e nunca denunciou, caso de prevaricação claro, alem de agora ainda pegar nosso sofrido dinheiro e sair rindo por ai como se tivesse algum direito ou razão

  10. Vejam como esta senhora,que foi expurgada nesta eleição ,para senadora e ficou em 4º Lugar,procede,em detrimento próprio.É uma Excrescência,para com á sociedade brasileira.Legal? Porém “IMORA

  11. Minha mãe trabalhou desde os 9 anos. Recolheu a contribuição previdenciária dos 14 aos 61 anos. Foi aposentada com um salário mínimo. Nunca assaltou bancos….que país é esse?

    1. Será que informaram à Comissão de Direitos Humanos da ONU que no Brasil presidiário tem direito a dois carros, quatro seguranças e seis assessores? Nem na Suécia tem isso