Aprovação em tempo recorde

Menos de cinco minutos. Esse foi o tempo que, segundo a Folha, os vereadores de São Paulo precisaram para aprovar um aumento de 26,3% de seus próprios salários.

Com isso, a partir de 2017, cada um dos 55 vereadores receberá quase R$ 19 mil. O reajuste não depende da sanção do prefeito. João Doria, que assume em poucos dias, já disse que era contra.