Apuração eleitoral faz governo encurtar horário de verão em 2018

Michel Temer assinou hoje um decreto, a ser publicado pelo Diário Oficial nesta segunda (18), que encurtará o horário de verão a partir do ano que vem, informa o Estadão.

Em 2018, o horário de verão valerá “a partir de zero hora do primeiro domingo do mês de novembro de cada ano”, e não a partir do terceiro domingo de outubro, como é hoje. A medida encurta em 15 dias a duração do período.

O segundo turno da eleição do ano que vem está marcado para 30 de outubro. Com o horário de verão –válido em apenas 11 estados brasileiros–, a discrepância nos horários de apuração seria maior.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Horário de verão tem q acabar. Ninguém gosta dessa m erda.
    Não economiza b osta nenhuma de energia e ainda obrigada a população a sofrer o calor escaldante do Brasil ate tarde da noite, além de ter de levantar no escuro no dia seguinte.
    É mais um jabuti esdrúxulo dessa b osta de republica de m erda.

Ler mais 13 comentários
  1. Horário de verão tem q acabar. Ninguém gosta dessa m erda.
    Não economiza b osta nenhuma de energia e ainda obrigada a população a sofrer o calor escaldante do Brasil ate tarde da noite, além de ter de levantar no escuro no dia seguinte.
    É mais um jabuti esdrúxulo dessa b osta de republica de m erda.

  2. Esse horário de verão foi criado quando a capital do Brasil era o Rio de Janeiro.
    POHRRA NENHUMA. MENTIRA PETRALHA.
    Não há economia nenhuma com o horário de verão.
    FALOU O ENGENHEIRO DA ANEEL. SQN!
    Prejuízo sim, quem paga o pato são as crianças e os idosos.
    MAIS UMA FALÁCIA, MAIS UM CHUTE.
    Chega de bobagens no Brasil, precisamos de gente séria e responsável.
    PARA ISSO TEM QUE EXTERMINAR A PETRALHADA.
    Intervenção Constitucional!
    MAS NÃO ACABEM COM OS PAUS!!!!

  3. Esse horário de verão foi criado quando a capital do Brasil era o Rio de Janeiro. Não há economia nenhuma com o horário de verão. Prejuízo sim, quem paga o pato são as crianças e os idosos. Chega de bobagens no Brasil, precisamos de gente séria e responsável. Intervenção Constitucional!

  4. Em eleição presidencial,não teria nenhuma dificuldade em fazer com que esses estados que tem fuso
    diferentes com Brasilia, fechassem usas seções de votação pela hora de Brasilia. Nada que uma boa divulgação não resolvesse.

  5. ESSE NEGOCIO DE FUSO HORARIO É MARACUTARIA PARA FRAUDAR URNAS COM A DEFASAGEM EM RELAÇÃO AO RESTO DO BRASIL COMO ACONTECEU NO ACRE AS
    ELEIÇOES PASSADAS E VOTARAM PESSOAS MORTAS ( GOOGLE -URNAS FRAUDADAS )