Apuração no TSE teve 'clima de velório'

Lauro Jardim conta que os ministros do TSE se reuniram isolados ontem numa sala do tribunal para acompanhar o resultado da eleição. O clima, segundo um deles, era “de velório”.

Segundo o relato do ministro, um de seus colegas disse “sobreviveremos” no momento em que as urnas foram abertas e revelaram Jair Bolsonaro com dez pontos à frente de Fernando Haddad.

Na sala de imprensa, o silêncio foi sepulcral.

Mais lidas
  1. PDT acusa Bolsonaro de peculato por compra de leite condensado

  2. Sobra leite condensado, falta transparência do governo

  3. Mandetta tem imagem mais positiva, diz pesquisa

  4. "A esquerda sabe a verdade"

  5. Bolsonaro mente

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 277 comentários
TOPO