ACESSE

Araújo minimiza impacto de divergência política com a China em relação comercial

Telegram

Em reunião com Tereza Cristina, Paulo Skaf e empresários de frigoríficos na manhã desta quarta (8), Ernesto Araújo voltou a minimizar o impacto das divergências políticas com a China sobre as relações comerciais com o Brasil.

O encontro tratou da suspensão de exportação de carne de seis estabelecimentos brasileiros para os chineses. O chanceler alegou que as tensões políticas com Pequim não levaram a nenhum tipo de retaliação com prejuízos comerciais ao agronegócio.

Leia AQUI a reportagem de André Spigariol na Crusoé.

Leia mais: Moro exclusivo: 'A energia cívica das grandes manifestações de 2013, 2015 e 2016 parece ter se dissipado.' Clique AQUI para ler na íntegra

Comentários

  • Jose -

    Este cara é um total incompetente, só ele e seu chefe bipolar acham que falar mal dos outros, principalmente de um país poderoso, não tem qualquer importância, muito fraco.

  • Edelson -

    FORA BEATO SALU!!!

  • José -

    Se está ruim com a China, pior sem ela.

Ler 35 comentários