As conduções coercitivas

Sérgio Moro determinou também a condução coercitiva de Rita de Cássia dos Santos, secretária de Antonio Palocci, e de Demerval de Souza, dono da DAG Construtora e amigo de Marcelo Odebrecht.

A DAG foi usada na operação envolvendo a compra do imóvel que serviria de sede para o Instituto Lula.

Confira a lista dos alvos:

Faça o primeiro comentário