“As eleições do antissistema”

O presidente do PHS, deputado federal Marcelo Aro, disse a O Antagonista que o segundo turno consolidou sua avaliação de que as eleições deste ano foram “as eleições do antissistema”.

“O eleitor mostrou nas urnas que não quer mais o político tradicional, incluindo os bons e não corruptos.”

O parlamentar acredita que, quando o resultado do pleito decantar, será preciso que os deputados busquem uma certa unidade para montar uma pauta que “fuja do populismo”.

“Teremos de sair do discurso fácil e pensar no país, fazer o que tem de ser feito”, acrescentou Aro, citando a importância de aprovar a reforma da Previdência, por exemplo.

Com a eleição de Bolsonaro, o velho sistema político acaba de ser posto abaixo. Entenda AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Somos uma sociedade em desenvolvimento, essa evolução é natural, pois passamos 30 anos dentro de um modelo que não deu certo, assim o ciclo se fechou em 2018. Agora é um novo ciclo.

Ler mais 44 comentários
  1. Somos uma sociedade em desenvolvimento, essa evolução é natural, pois passamos 30 anos dentro de um modelo que não deu certo, assim o ciclo se fechou em 2018. Agora é um novo ciclo.

  2. Parabéns ao nosso Capitao! Parabéns, principalmente, a todos q se empenharam pela vitória da DEMOCRACIA. Aos perdedores meu respeito e um apelo para, unidos, olharmos o futuro com mais esperança

  3. O ÚNICO CONSOLO para a PETEZADA agora é a bebida a cachaça o corote e o whisky. 🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃🥃

  4. Ibovespa salta 2% só na primeira hora e meia de pregão, o futuro 4% (alta histórica) e o dólar despenca a 3,60. E é só o day after da consagração! The Captain is the New Orange!

  5. Não posso falar por outros eleitores, mas falo pelo meu voto: votei em Bolsonaro porque ele é cristão, conservador e de direita. O que ninguém fala é que o Brasil está de saco cheio da esquerda

  6. Só que do primeiro para o segundo turno a diferença do PT foi de aproximadamente 16 milhões de votos, já do Bolsonaro em torno de 8,7 milhões, ou seja, quase o dobro a mais para o PT… Muito est

  7. Discurso fácil… O discurso é reformista! Se isso é fácil, eu não sei o que esse Cidadão está fazendo na política, a sua própria incapacidade é a resposta para a sua “análise”.

  8. Concordo com deputado, precisamos de políticas de Estado e não de governo. Entendo que País necessita de uma política mais cartesiana e menos ideológica. A dívida: Vocês querem fazer?

  9. a melhor reforma da Previdência é acabar com a CLT e FGTS. Manter só pra quem já está…AS futuras gerações, que fogem pra países com estados unidos NÃO querem mais estas falsas “benesses”

  10. Como assim não liga se é corrupto ou não? corrupção é marca da velha política. Na próxima eleição se os candidatos em que votei estiverem sujos, deixam de ser opção para mim

  11. Essa gente vai aprender. Seja pelo bem ou pelo mal. Acabou a demagogia da esquerda e a complacência da centro-esquerda. Aqui nunca houve oposição. Agora temos situação desafiadora.

  12. É isso! Chega dessa velha política de usar os pobres p/ ganhar votos e, depois, esquecer que eles existem. O Nordeste é prova viva desse tipo de politicagem. Menos beijinhos e mais ação, por favo

  13. Colocar a reforma da previdência como prioridade nº 1 é queimar capital eleitoral do governo. É preciso antes adotar alguma ação eficaz de corte de gastos ao invés de ir para cima da previdênc

  14. Da minha parte, meu senhor, não quero político bandido corrupto em nenhum dos cargos públicos do Brasil. Você é corrupto? Parece fazer esta análise para salvar os bandidos da política.