As vítimas de Lula somos nós

Lá foi Mônica Bergamo, sobre a qual não temos dúvidas, apenas certezas, entrevistar Marco Aurélio Mello, que condenou a condução coercitiva de Lula.

A estratégia de vitimização de Lula não cola, porque as vítimas de Lula somos nós, os cidadãos.