Assessor de Palocci tenta suicídio

O operador de Antonio Palocci, conhecido como Brani, preso pela Lava Jato, tentou mesmo o suicídio na última sexta-feira, como publicamos aqui.

Lauro Jardim disse que ele tomou 40 comprimidos.

É muito melhor delatar.

Faça o primeiro comentário