Associação de indústrias confirma negociação para importar vacinas

Associação de indústrias confirma negociação para importar vacinas
Foto: Christiano Antonucci/Secom/MT

O presidente da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos, José Velloso, confirmou hoje negociações com o fundo de investimentos BlackRock para a importação privada de vacinas contra a Covid-19.

“Se a gente conseguir comprar os 3 lotes com 33 milhões de doses a gente coloca [a vacina] no Brasil de graça no SUS […] Entramos nessa pois temos convicção de que não iremos furar a fila e sim ajudar o país”, disse, durante entrevista à imprensa.

“Faltam vacinas, no momento temos 6 milhões do Butantan e 2 milhões da Fiocruz. Temos doses capazes de imunizar 4 milhões de pessoas. Então não tem nada.”

Ontem, a AstraZeneca afirmou que não vai vender as vacinas para o setor privado, apenas para governos.

Velloso disse, no entanto, que o BlackRock, que é acionista da AstraZeneca, já tem 33 milhões de doses da vacina para “pronta entrega”, que chegariam no Brasil em 7 dias.

Velloso disse que a vacina não é para ricos. “Tem entidades que vão vacinar pedreiros. São funcionários que pegam condução, aonde se dá o contágio”.  Questionado se será vacinado, ele disse que sim, “mas a empresa tem apenas um CEO. O resto são trabalhadores”.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que não tem medo de apontar os verdadeiros culpados pelas mazelas brasileiras.
Mais notícias
TOPO