ACESSE

Áudio: surpreendido, Jereissati diz que Bolsonaro 'deu tiro no pé' com vetos ao novo marco do saneamento

Telegram

O senador Tasso Jereissati (PSDB), relator do novo marco legal do saneamento básico, lamentou o veto de Jair Bolsonaro, principlamente, ao artigo 16 da nova lei, sancionada hoje pelo presidente.

Ele disse que houve quebra do acordo feito com o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho, que, segundo o tucano, também foi pego de surpresa.

“Foi, para mim, extrema surpresa. Não esperava, fiquei profundamente surpreendido. Acho que é um tiro no pé que o governo está dando”, disse o senador, em pronunciamento há pouco no Senado.

Ele afirmou que vai trabalhar para derrubar, pelo menos, o veto ao artigo 16, que autorizava que as estatais renovassem por mais 30 anos os contratos atuais e vencidos, desde que isso ocorresse até março de 2022.

“O projeto estava sendo aplaudido por boa parte da sociedade brasileira. E vai virar uma polêmica inteiramente sem sentido.”

Segundo Jereisatti, o acordo feito com o governo foi em torno de três vetos. Bolsonaro vetou 11 trechos.

Escute:

https://cdn.oantagonista.net/uploads/2020/07/audio.mp3

Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) realiza reunião com 16 itens. Entre eles, o PLP 19/2019, que visa garantir autonomia para o Banco Central. À bancada, em pronunciamento, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE). Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

Leia mais: Confira o que os jornalistas da Crusoé revelaram ao Brasil em 30 dias

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 64 comentários