Áudio: Olimpio acusa Alcolumbre de proteger Chico para se reeleger

Áudio: Olimpio acusa Alcolumbre de proteger Chico para se reeleger
Foto: Leopoldo Silva/Agência Senado

O senador Major Olimpio (PSL), pré-candidato à sucessão de Davi Alcolumbre, acusou o atual presidente do Senado de proteger Chico Rodrigues, que escondeu dinheiro na cueca e nas nádegas, com a intenção de continuar no comando da Casa.

Para Olimpio, Alcolumbre não vai reunir a Mesa Diretora para decidir sobre a possível reinstalação do Conselho de Ética. Alcolumbre, Chico e Jayme Campos, presidente do colegiado, são do mesmo partido, o DEM.

“Isso não vai acontecer. Aconteceu uma demonstração de corporativismo do Senado. O presidente Davi Alcolumbre fez um esforço e uma negociação para que não houvesse apuração mais rigorosa sobre o episódio do Chico Rodrigues.”

Olimpio acrescentou que Alcolumbre deveria ter submetido ao plenário o pedido de afastamento de Chico por 121 dias. O senador do Amapá também não convocou ainda o primeiro suplente, que é filho do senador de Roraima — como revelamos, é parte da estratégia nos bastidores para abafar o episódio.

“Isso é ruim porque demonstra mais corporativismo do que preocupação com a apuração da verdade pelo Senado. Ele [Davi Alcolumbre] está em campanha e eu entendo que esse corporativismo vai solidificar votos [para ele], mas é muito ruim para a imagem do Senado.”

Escute o áudio:

Leia mais: Combo Crusoé e O Antagonista+: comece a ler por apenas R$ 1,90
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 30 comentários
TOPO