Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Bala de borracha na testa

O estudante Fernando Veiga Neves, de 20 anos, foi ferido por uma bala de borracha na testa durante a manifestação na frente de Alerj pela prisão de Jorge Picciani e companhia.

“Foi um ato covarde da Polícia Militar do Rio de Janeiro, da Tropa de Choque. Eles me atacaram, eles começaram. Não era bala de borracha pequena, era bala calibre 12”, disse o estudante ao Estadão.

O protesto chegou a reunir cerca de mil pessoas e, como já publicamos, foi dispersado por bombas de efeito moral. O Batalhão de Choque fez cordões de isolamento em ruas próximas.

A situação está mais calma no centro do Rio, mas continua tensa.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO