Banco acha positiva a saída de Dilma

Não é apenas a oposição, a “mídia golpista” e mais de 60% dos brasileiros que acreditam que o impeachment da presidente Dilma Rousseff seria uma boa saída para o pântano em que meteu o Brasil. O mercado já fala disso sem rodeios. O banco de investimentos americano Jefferies, por exemplo, afirma que a eventual cassação do mandato de Dilma seria algo “positivo” para o país. Em relatório desta sexta-feira (4), a instituição diz que o Brasil está praticamente “ingovernável”.