Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Barganha sobre emendas secretas inclui PEC da Vingança

Presidente da Câmara também sugeriu a ministros que limitem o alcance do acórdão do julgamento para que o STF não perca parte de seu orçamento
Barganha sobre emendas secretas inclui PEC da Vingança
Foto: Marcos Corrêa/PR

Em sua ofensiva para tentar derrubar a liminar de Rosa Weber contra as emendas secretas, Arthur Lira barganhou com alguns ministros do Supremo para que atuem para restringir o alcance do acórdão da votação de ontem, que terminou com placar de 8 a 2.

O presidente da Câmara sugeriu que os bilhões já empenhados fazem parte de acordos amplos que incluem uma nova tentativa de se aprovar a PEC 05/2021, a PEC da Vingança, que acaba com a autonomia do Ministério Público.

Lira também insinuou que o próprio Supremo pode acabar perdendo parte de seu orçamento com a suspensão do orçamento secreto.

 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO